Branding: como trabalhar a gestão da marca

Postado em 10 de julho de 2019 por Agência WEBI na categoria Blog

Seja você empreendedor ou consumidor, é certo que já pensou na pergunta: por que algumas marcas se destacam mais que outras? Ou então: por que determinado produto chama mais a atenção dos consumidores do que outro? Na maioria das vezes, as marcas disponibilizam produtos semelhantes aos dos concorrentes, então, por quê? A resposta está no trabalho de gestão de marca, no branding

Como diz o ditado: a propaganda é a alma do negócio. Nesse caso, o branding é a alma do negócio para o marketing digital da sua empresa. A partir do trabalho realizado com este método, uma marca pode se tornar mais conhecida perante os usuários, especialmente diante de ações que unem valores, reconhecimento e posicionamento.

Mas, antes de começarmos a falar sobre como trabalhar com gestão de marcas, é preciso entender, detalhadamente, o que é o branding. Acompanhe o restante do texto que a WEBi trouxe para você abaixo, entenda tudo sobre o valor de uma marca e aprenda a trabalhar a imagem de sua empresa!

 

O que é branding? 

Também conhecido no português como gestão de marca, branding é o trabalho realizado para tornar uma empresa e seus produtos/serviços conhecidos e desejados pelo público. Para isso, ele não envolve somente a marca em si, mas também a concepção e os objetivos buscados pela empresa. 

Por mais bem feito que o trabalho seja, os resultados são percebidos a longo prazo. Afinal, como qualquer outra marca conhecida, é preciso ter conceitos e concepções sólidas para construir um nome que transmita confiança e seja reconhecido e buscado pelos clientes. 

“Marca” pode ser considerada a palavra-chave do branding. Por isso, é preciso contar um pouco mais sobre o significado desta palavra e deixar claro o quão importante ela é para a representação e construção do seu negócio. 

 

Entendendo o que é marca 

Definir “marca” não é algo fácil; a palavra envolve vários significados e conceitos. Porém, pode-se dizer que marca é tudo aquilo que define a sua empresa e a imagem que ela passa. A sua marca deve representar cada detalhe dos seus propósitos e objetivos, sempre unidos à identidade visual: logo, cores, produtos comercializados e site, entre outros. 

É necessário, portanto, um trabalho em equipe. Para tornar sua marca diferenciada e notada no mercado, deve-se identificar o público que você quer atingir, ter presença marcante no setor e atingir as expectativas dos consumidores. Nada disso é algo fácil e que você pode fazer sozinho.

Contudo, chega de tantos conceitos! Depois de ler tudo isso, é provável que você esteja se perguntando: afinal, como adotar o branding e trabalhar a gestão da minha marca em um universo como a internet? Para explicar o passo a passo deste processo, a WEBi preparou umas dicas. Confira abaixo! 

 

6 maneiras de trabalhar o branding 

 

1) Entenda os objetivos da sua marca 

Para conseguir ter sucesso com o branding ou gestão de marca —, é preciso ter mente seus o que você quer alcançar. Só assim é possível que o marketing digital consiga explorar sua marca para o reconhecimento. O mercado é concorrido, portanto é necessário ter clareza nos objetivos para conseguir um resultado favorável. 

E o mesmo se aplica a seus clientes: eles também devem saber o que a sua empresa defende. O público deve entender o que a marca quer dizer para querer consumi-la. Afinal, o branding está diretamente ligado à identificação do público. 

 

2) Identidade visual 

Para tornar uma marca conhecida e identificável, é necessário ter uma identidade visual. É preciso avaliar tudo o que já existe no mercado e fazer algo que seja diferente e, ao mesmo tempo, crie identidade com o público alvo. 

Pode parecer estranho para quem nunca leu a respeito, mas o logo, as cores e até as fontes usadas na concepção de uma marca são fatores que influenciam a imagem da marca nos olhos do público. Temos como exemplo algumas grandes empresas que, bastando olhar para determinado produto, nós conseguimos identificar qual é a marca em questão. 

Por fim, cada detalhe da construção da marca deve ser visto com muito cuidado para que o branding tenha o resultado desejado. 

 

3) Gestão de conteúdo 

O conteúdo tem tudo a ver com gestão de marca. Afinal, mensagens bem trabalhadas, em qualquer que seja o canal, e que conversem com o público desejado são o primeiro passo para cativar e fazer com que as pessoas se identifiquem com sua empresa. 

Aqui, é importante contar com a colaboração de profissionais especializados na área, como uma agência de marketing digital, para a elaboração do conteúdo. Seja por meio de gestão de redes sociais ou textos para blog, por exemplo, estes especialistas é que serão capazes de transmitir mensagens efetivas e alinhadas com o propósito da empresa. 

 

4) Visibilidade 

Branding é sinônimo de visibilidade. “Quem não é visto, não é lembrado”, não é mesmo? Por isso, uma presença marcante nas redes sociais e um bom site são elementos fundamentais. Sempre atualize os usuários com novos produtos e conteúdos relevantes que chamem atenção para a sua marca.  

 

5) Interação com o público 

Para uma boa gestão de marca é necessário mostrar algo diferente. O usuário já está cansado de ver sempre as mesmas coisas. Portanto, inove. 

Se sua marca ainda está em construção, mostre o processo de produção de seus produtos, por exemplo. Humanizar é importante: hoje, as pessoas gostam de conhecer a marca e de sentir que fazem parte de algo maior. 

Outra questão é mostrar as experiências de clientes que já adquiriram seus produtos. São detalhes como estes que ajudam na identificação de mais pessoas para com a sua empresa. 

 

6) Mensure as experiências dos clientes 

Vamos pensar na seguinte hipótese: você já trabalha com a gestão de marca e agora quer saber se ela realmente está trazendo resultados positivos. Para saber se o branding está sendo um diferencial da sua marca, é preciso mensurar as reações dos consumidores captados. 

Felizmente, quando falamos em branding online, essa tarefa é possível. Pode-se analisar a quantidade de acessos no site, menções da marca na internet, aumento de clientes a partir da indicação de outras pessoas e avaliações das páginas nas redes sociais como Facebook e Instagram. 

Maiores resultados online indicam que a gestão de marca está sendo uma medida eficiente.

 

A importância da gestão de marca 

Engana-se quem pensa que o trabalho do branding é importante somente para as empresas que estão iniciando. A gestão de marca é fundamental também para as grandes empresas, pois elas precisam continuar tendo destaque para, consequentemente, ter lucros. Quem não se atualiza está correndo riscos. 

Quando falamos em lucros, é lógico que pensamos nos financeiros. Mas não são somente eles que devem ser levados em conta. Com a gestão de marca, sua empresa ganha em aumento de credibilidade, confiança e presença na memória dos clientes. Por isso, todos os passos mostrados nos tópicos acima são essenciais. 

Afinal, quem nunca entrou em uma loja porque achou a vitrine interessante? Ou, ao pesquisar por um produto no Google, foi levado a um site moderno, bonito e responsivo, que despertou a vontade de saber mais sobre os produtos oferecidos? Tudo isso é consequência do branding.

 

E é assim que funciona a gestão de marca no marketing digital. Algumas empresas têm mais destaque que outras porque têm um cuidado maior com suas imagens, capaz de atrair atenção para os serviços e produtos comercializados. 

 

Gostou das dicas? Só quem tem experiência no mercado pode fazer um trabalho eficiente de branding aliado ao inbound marketing. Quer saber como a WEBi pode ajudar na gestão da sua marca? Então entre em contato conosco e conheça nossos serviços!

E para receber mais conteúdos como este, siga a WEBi no Facebook e no Instagram! Nós estamos sempre atualizados e trazendo tudo sobre o marketing digital para você.